Administração da Opinião Pública

ProUni e Universidade Uningá

Na noite do dia dois de maio foi ao ar uma reportagem no Programa Fantástico, da rede de Tv Globo, sobre o sistema de bolsas universitárias ProUni. Programa idealizado pelo governo federal que concede, a partir da analise do histórico escolar do ensino médio, fatores econômicos e sociais, bolsas a estudantes de baixa renda sem possibilidades de arcar com a mensalidade do curso universitário.

A universidade Uningá de Maringá – no Paraná concedeu bolsas de estudo no curso de medicina a alunas fora dos padrões econômicos para a concessão da bolsa e que, além desse fator possuíam algum tipo de parentesco com pessoas de altos cargos na universidade.

O programa Fantástico, no caso o veiculo de comunicação de massa e com forte audiência expôs a imagem da instituição em rede nacional e pôs a prova sua credibilidade, assim como a do programa de bolsas do Governo Federal. Foi questionada ainda, a análise periódica dos documentos necessários para a concessão, pois a situação socioeconômica pode variar a cada semestre.

Então, a partir de tal fato foi estabelecida uma relação de controvérsia pública, onde alguns são a favor da concessão de bolsas sem critérios mais profundos de analise e outros a favor da burocracia existente a cada semestre para validar as bolsas.

Do ponto de vista de relações públicas tanto a instituição de ensino como o Ministério da Educação, órgão governamental responsável pelo programa ProUni, deverão manter a sociedade, os estudantes, professores e demais públicos envolvidos informados sobre as decisões tomadas em relação ao ocorrido com as alunas especificas e com as possíveis situações semelhantes.

Utilizar veículos de comunicação dirigida, massiva, redes virtuais, jornais impressos e televisivos – é uma atitude estrategicamente necessária.  O discurso aberto dos responsáveis do órgão e instituição de ensino poderão também amenizar a sede da opinião pública.

Por tanto, cabe ao profissional de relações públicas traçar uma linha de ação adequadamente planejada ao anseio da organização e dos públicos que desejam obter informações claras e transparentes sobre o caso.

(Tarefa da disciplina: Teoria da Opinião Pública/2010).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s