Muito além de fritar coxinhas

O ano é de  2008, começo a estudar Relações Públicas, a minha primeira  professora que foi Denise Aquino ( qual adoro muito), passou um livro do Cândido Teobaldo com definições da profissão para classe e foi  aquela confusão na mente de todos. Hoje se pode dizer que a confusão acabou.  Logicamente que para mim o  estudo será continuado, estudarei para sempre quero seguir um pouco os passos do professor Fábio França. Mas enfim nos corredores entre os alunos uma piada que sempre achei meio besta era que a profissão de RP só fritava coxinhas, pelo motivo de trabalharmos com eventos também, não que seja demérito só que sempre utilizaram isto de forma pejorativa. Já escutei até que somos antissociais, não acredito nisto, somos mais reservados eu diria.

Sei que estas brincadeiras existem em todos os lugares, mas acredito que Jornalismo, Rádio e TV, Publicidade e Propaganda  fazem parte da grande Comunicação e achei legal divulgar alguns trabalhos da Instituição que estudo.

No primeiro ano matutino tem uma galera animada que criaram  blog Não Falo Prada.

Tem o portal do estudante de jornalismo Diego Martins do qual fui colunista por um tempo o Portal Telenotícias que é muito bem estruturado. Diego desde que acabou a obrigatoriedade do diploma para profissão anda “pilhado”.

De Publicidade e Propaganda tenho muitos amigos, mas destaco aqui o trabalho de vetorizaçao  do Tiago Augusto com seu blog tiagosemhvetores.

Já a aluna Daniela Aparecida (inclusive procura um emprego, quem souber de algo a indique ),  juntamente Natália Machado e Maiara Lima produziram um clipe da música do Wando “Fogo & Paixão”  que ficou muito hilário que aconselho a assistirem.

A internet é este ambiente colaborativo que podemos utilizar para divulgar  bons trabalhos e utilizei meu espaço para isto, espero que gostem dos conteúdos por mim indicados.

E não se esqueçam somos todos da Comunicação não existindo habilitações melhores ou piores, então comunicólogos vamos nos unir.

Anúncios

20 pensamentos sobre “Muito além de fritar coxinhas

  1. Boa, sou super a favor da união das habilitações! Chega dessa rivalidade e piadas bobas (por que eu tenha participado de algumas, rs)!

    Cada um com sua particularidade, mas juntos, somamos forças!! Boas indicações, já td esses trabalhos e a galera manda mto bem!!!

  2. Muito bom o texto, a formatação, o video. teu blog ta cada vez melhor.

    Abraçaoo

  3. Faltou citar o John Symon, grande brother e publicitário seu amigo!
    Enfin, a internet proporciona a epifania, e nós, todos comunicadores temos e devemos saber utilizá-la da melhor maneira possível

  4. Bacana o texto, essas brincadeiras sempre acontecem, Publicitários são vagabundos não fazem nada, RTV só apertão botão RP frita coxinha e etc… sempre tem isso, mas todos sabemos que cada profissão tem sua devida importância, tanto que muitas vezes ( agora mais ainda ) elas convergem.

    As brincadeiras servem pra apimentar a rivalidade entre as disciplinas ou apenas para reforçar a escolha de cada um, tentando puxar sardinha para a sua habilitação.

    O importante é ter respeito.

    Abraço e valeu pela menção.

  5. Concordo, não existe habilitações melhores e nem piores na comunicação social, no final, todas se completam.
    Parabéns pelo blog!

  6. Fritar coxinha é novidade pra mim. Bacana o texto. Tem coisas que realmente encomodam muito.

  7. Parabéns estagiário! Super ótimo o seu post e eu concordo plenamente que devemos nos unir, mas também não podemos deixar que falem que fritamos coxinhas… nós somos o cérebro da empresa e estamos entre as 10 profissões do futuro! Temos a maior gama de opções para trabalhar e contamos com nossa veia generalista e especialista.

    Parabéns!

    Beijão

  8. É.. pra mim tbm é novidade “fritar coxinha” (ouvia que “vendemos coxinha”), rsrs..
    Piadas à parte, o texto está ótimo e concordo na união entre as habilitações, pois a rivalidade entre elas só traz prejuízos: não querendo ser pessimista ou puxar a sardinha p/ as RPs mas, quando uma delas (ou todas elas) comete algum erro sobra para o “bombeiro” apagar o incêndio causado, seja à imagem, pessoa, instituição, reputação e etc.
    Planos de prevenção de crises vão por água abaixo se o próprio RP “achar” que é melhor trabalhar isolado dos profissionais que veiculam, vendem, noticiam e também formam opiniões, grupos de pressão, enfim, as habilitações existem, pois não dá para um único profissional fazer “tudo” o que a comunicação exige.. Enquanto isso, como futuros generalistas e especialistas, seguimos estudando e aprendendo. Respeitar para ser respeitado, reconhecer para ser reconhecido.

  9. Pingback: Tweets that mention Muito além de fritar coxinhas « -- Topsy.com

  10. Oi Dih, gostei bastante do post. Parabéns!!!
    Está na hora de nós, RP’s, desmistificarmos essas besteiras que alguns pouco entendidos, fazem questão de falar e, pior, acharem que têm razão.
    Como vc sabe, eu sou apaixonada pelas Relações Públicas, então, vou lutar incansavelmente pela nossa profissão.
    PP’s, RTV’s e JO’s, nós respeitamos e admiramos vocês, mas entendam de uma vez por todas que, somos ASSESSORES, PLANEJADORES, PESQUISADORES, EXECUTORES E AVALIADORES. Ah, e muito mais…

  11. Pingback: Retrospectiva: Julho no @VersatilRP «

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s