Consciência Transcendente

Umas das áreas mais promissoras são as voltadas à assuntos ambientais. É um mercado brilhante, e os profissionais da área precisam, e muito, da ajuda e apoio dos RPs, já que sozinhos eles não tem a devida atenção das empresas e órgãos em geral.

Biólogos e engenheiros ambientais relatam que as propostas de mudança na postura da empresa, sempre acabam engavetadas por estas não enxergarem vantagem em investirem na natureza. Cabe a nós, profissionais do relacionamento, mostrar ao mundo corporativo o quão importante, rentável, vantajoso e imprescindível é dar atenção ao planeta.

Já diria uma presidenciável: “O meio ambiente é, sem dúvida nenhuma, uma ameaça ao desenvolvimento sustentável”. Em ano de eleição presidencial, devemos pensar no que queremos e esperamos de nossos candidatos. O tema consciência ambiental é algo que sem dúvida merece destaque e devemos nos conformar de que somos nós que pertencemos ao planeta e não o inverso. E, mais do que esperar as propostas da Copa, legalização da maconha e aborto, pensar de forma transcendente, e acreditem, somente algumas decisões tomadas hoje, podem ter consequências em escala de existência humana na terra.

Decisões como a educação, a ‘igualdade’ social, desenvolvimento de alguns projetos tecnológicos, e principalmente, consciência ambiental, que difere de educação ambiental, porque mais do que não jogarmos lixo no chão por educação, fazermos isso por respeito ao meio ambiente e consciência de que esta atitude previne uma enchente, ajuda o ecossistema e salva o planeta.

Decisões organizacionais e eleitorais pensando nisso é uma atitude ecológica, bem como atitudes individuais, que valem tanto ou mais. As mudanças acontecem de dentro para fora e não de fora para dentro. Mudar costumes, como comprar roupa em brechó, evitam resíduos de embalagem e é uma forma de reciclagem.

Andar sempre com uma sacolinha de pano, para quando for preciso comprar alguma coisa, não usar as famosas e polêmicas sacolinhas plásticas. Fazer doação de roupas, fazer um ‘bazar’ com amigas, onde há troca de roupas, acessórios e afins ente vocês, evita o descarte desnecessário.

Andar com uma garrafinha para evitar os copos plásticos, andar mais a pé, de bicicleta, patins, patinete, pogobol, carrinho de rolemã, skate, velocípede ou qualquer outro meio não poluente, comer alimentos orgânicos, escolher alguns dias na semana para não comer carne vermelha, enfim, vejam a quantidade de coisas que podemos fazer para ajudar o planeta, que vão além de tomar banho mais rápido.

Primeiro em casa, mais tarde nas empresas e tão logo no país. Sim, nós podemos mudar a história!

Segue um vídeo que explicar-nos-á sobre a trajetória das coisas no nosso mundo consumista e egoísta. É longo, mas vale a pena.

Anúncios

9 pensamentos sobre “Consciência Transcendente

  1. Muito, mas muuuiitoo bom mesmo esse post!!!!!!
    na verdade seria bom se todas as pessoas pudessem lê-lo…
    ja vi esse vídeo antes, mas as “idéias extra vídeo” apresentadas nesse post são, apesar de simples, de grade eficiência ambiental se aplicadas por todos….vai outra dica de filme relacionado ao tema: “Uma verdade inconveniente”
    …E por favor, tornado-se uma RP diplomada, tente convencer o máximo de corporações possíveis de que preservar sua própria casa não eh só modinha ou favor…é, no mínimo, racional.

    Continue assim Marina Faria

  2. Além do convencimento acho que devemos educar as empresas, mas não posso falar muita coisa minha mãe lava o quintal com mangueira e deperdiça água.
    Meu banhos não sãos sustentáveis, sacola de pano nem pensar..é tenho que começar em casa.

  3. Pingback: Tweets that mention Consciência Transcendente « -- Topsy.com

  4. Este video já foi passada para a maior parte dos alunos da universidade.
    O meu tema de TCC estava relacionado a essa área, o papel do RP quando falamos sobre Meio ambiente mas infelizmente não continuei com ele.
    Outra coisa que me chama atenção é que esse assunto é abordado com relevância da comunicação desse processo. Nos que estudamos comunicação sabemos disso, mas já ouvir criticas aos profissionais de comunicação em relação ao mesmo assunto. Justo porque professores influênciadores mostram a negatividade da comunicação no processo de mercado. Ou seja, no incentivo ao consumo. Sabemos da dimenssão da área e quem trabalha exatamente nesse processo de consumo. Mas muitos nos acusam, como um todo, e nem sequer dão a chance de conhecer melhor a área. E fazem pior passam para os seus alunos, que sabemos que muitas vezes vão pela cabeça do professor.

    • Muitas vezes os profissionais da área nos veem como aqueles que boicotarão seus projetos, mas precisamos mesmo é nos aliar a eles e mostrar que nós podemos potencializar seus projetos os tornando mais ‘vendáveis’

      Obrigada!!

  5. Olá Marina e Equipe Versátil RP,

    Achei muito bom o post. Bastante didático e pertinente. Vocês estão cada dia melhores. Parabéns!!!
    Confesso que, na minha casa, já adotei práticas sustentáveis com meus familiares. Minha briga agora, é transmitir isso para meus amigos e parentes.
    Como futuros profissionais de RP, devemos saber da importância desse aculturamento e praticá-lo, sempre!

    Beijos,

    • Verdade Milena, até mesmo as mudanças em escala global começam de dentro para fora!
      Obrigada!

  6. Pingback: Retrospectiva: Julho no @VersatilRP «

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s