060 – RP escreve a sua história com Maria Amélia Maneque

rp-facebookNo ‘RP escreve a sua história’ de hoje recebemos Maria Amelia Maneque, que é Mestre em Ciências da Comunicação pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (2007) e graduada em Comunicação Social Habilitação em Relações Públicas pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (2000). Presidente do Conselho Regional dos Profissionais de Relações Públicas dos estados do Rio Grande do Sul e Santa Catarina – mandato 2010-2012 e 2013-2016 – CONRERP 4ª Região. Atualmente profissional autônoma e seu foco é o relacionamento cliente, imobiliária e corretor de imóveis.

VRP: Por que escolheu estudar Relações Públicas?

Maria Maneque: Iniciei minha faculdade no Curso de Administração de Empresas na Unisinos, pretendia trabalhar na empresa da família. Fui selecionada para o meu primeiro estágio, na área de recursos humanos e minha chefe, inspiração, era Relações Públicas, logo no inicio de minhas atividades fui conquistada pela profissão. No final do contrato do estágio, não tinha mais dúvida queria ser Relações Públicas, então tranquei o curso de Administração, fiz novo vestibular e ingressei na faculdade de Comunicação com habilitação em Relações Públicas.

VRP: Como enxerga o cenário brasileiro das relações públicas?Foto Maria Amelia

Maria Maneque: O cenário de Relações Públicas hoje sem dúvida é o mercado mais promissor, as organizações cada vez mais necessitam trabalhar sua imagem, reputação e relacionamento com seus públicos. Esta tendência só tem a melhorar.

VRP: Comemoramos em 2014 os 100 anos das Relações Públicas no Brasil, para você, a profissão é valorizada como deveria?

Maria Maneque: A profissão de Relações Públicas será valorizada o dia que nós os profissionais assumirmos nossa profissão. Ao analisarmos as ofertas de trabalho em todos os setores na sua grande maioria as atividades pertencem as atividades privativas e exclusivas para Relações Públicas. O nome do cargo oferecido nem sempre é Relações Públicas, mas o que importa são as atividades. Por isso afirmo, os profissionais precisam registrar-se no Conselho de Relações Públicas, encaminhar os currículos e afirmarem com segurança essa atividade é de Relações Públicas e eu só o profissional habilitado para assumir este cargo.

VRP: Qual a sua expectativa para o curso de Relações Públicas daqui a alguns anos? O que você acha que poderia ser melhorado na grade curricular do curso?

Maria Maneque: O MEC aprovou as novas diretrizes curriculares para os cursos de Relações Públicas tudo indica que irá melhorar a qualidade dos cursos. Porém, não leciono por isso não me considero a profissional mais adequada para responder a questão.

VRP: Os futuros profissionais de Relações Públicas estão preparados para se adaptar as novas tecnologias e utiliza-las a seu favor? Onde as redes sociais se encaixam na estratégia de um plano de “RP”?

Maria Maneque: Eu acredito que os futuros profissionais de Relações Públicas estão preparados para atuar em qualquer área que os mesmos se especializarem. As novas tecnologias como qualquer outra ferramenta bem planejada é uma excelente estratégia.

VRP: Qual mensagem deixaria aqui para ser lembrado na comemoração de 200 anos das relações públicas no Brasil?

Maria Maneque: O profissional de Relações Públicas aprendeu a valorizar a sua profissão.

VRP: As Relações Públicas completam 100 anos no Brasil. O que você vê como a maior contribuição da profissão para o país, durante todo este período?

Maria Maneque: Eu acredito que a maior contribuição de nossa profissão foi convencer os dirigentes das organizações da importância do planejamento estratégico para os relacionamentos com seus públicos e da transparência para a reputação das

VRP: Falando em história, conte mais sobre a sua história com a profissão. Por quê?

Maria Maneque: Em 2000 completei o curso de Relações Públicas e ingressei como Relações Públicas no escritório Camargo Arquitetura para trabalhar o Posicionamento estratégico no mercado para o arquiteto Gustavo Camargo: Captação de apoio, parceria em eventos, divulgação, assessoria de imprensa e assinatura de textos para publicação de projetos arquitetônicos em revistas, jornais e livros. Projeto de Relacionamento com os Clientes e Projeto de Relacionamento com fornecedores.

Em 2005 ingressei no Mestrado em Ciências da Comunicação na UNISINOS e defendi minha dissertação em março de 2007.Em 2010 ingressei no Sistema Conferp, como Presidente do Conrerp/4a Região, sendo reeleita para segunda gestão em 2013.Atualmente o foco do meu trabalho é o relacionamento entre cliente, corretor de imóveis, imobiliária e construtora.

VRP: Qual é a área de atuação das Relações Públicas que você vê como mais promissora em curto prazo? Por quê?

Maria Maneque: Acredito que a melhor área para atuar sempre será aquela que atuamos com amor, paixão e orgulho de nossa atividade.

VRP: Como o Relações Públicas, usando as próprias estratégias de “RP” pode fazer com que a profissão ganhe cada vez mais espaço e reconhecimento, para que se torne tão popular como os profissionais de Publicidade e Jornalismo?

Maria Maneque: A profissão de Relações Públicas será valorizada o dia que os profissionais assumirem a profissão, reconhecerem as atividades de Relações Públicas nas ofertas de trabalho e afirmarem com segurança essa atividade é de Relações Públicas e eu só o profissional habilitado para assumir este cargo.

VRP: Qual mensagem você diria para quem está iniciando no curso de Relações Públicas e para os recém formados na área?

Maria Maneque: Tenha orgulho da profissão escolhida, nunca deixe de estudar e lute por seus espaço no mercado.

VRP: Agora, brincando de adivinhar o futuro, como você acredita que estará o panorama das Relações Públicas no seu segundo centenário brasileiro?

Maria Maneque: O panorama das Relações Públicas no seu segundo centenário brasileiro vai depender dos Profissionais do futuro!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s