O ver e o fazer das Relações Públicas na Pesquisa de Opinião

preview

Falar da importância dos métodos científicos de pesquisa e suas aplicações pelos profissionais de RP aborda a sistematização da pesquisa de opinião pública, mediante a complementaridade dos dados qualitativos.

Pesquisas científicas são experimentações que permitem evoluções em todas as áreas e setores da vida, são responsáveis por praticamente tudo o que temos contato. Além de facilitar a vida, muitas vezes colaboram, inclusive, com o aumento de nossa qualidade de vida.

No âmbito da comunicação, é o andamento das pesquisas que determina se aquele projeto que queremos colocar em prática dará certo ou não, apontando, inclusive, possíveis soluções, caso se verifique a necessidade de modificações em suas formas de aplicação e execução.

Entre as responsabilidades do pesquisador está a função de motivar, buscar conhecimentos, influenciar e impactar positivamente por meio dos dados que reflitam os resultados de seu trabalho, principalmente a pesquisa de Opinião Pública, pois esta traz consigo muitas mudanças no cotidiano das pessoas, podendo interferir em carreiras alheias e retirar produtos das prateleiras se esta for mal planejada e não tiver uma estratégia embasada o suficiente para delimitar mudanças aplicáveis. Mas é certo que toda pesquisa revela sempre mudanças drásticas, em sua maioria visando agradar os públicos e consolidar a reputação de marcas e empresas.

Como um exemplo prático desta mudança que envolve a adoção de novas tecnologias advindas do estudo da pesquisa científica, podemos destacar o fato de que, durante o século XVIII, os trabalhadores das fábricas foram substituídos por máquinas, o que resultou em demissões em massa e em grande reação por parte dos trabalhadores durante os emblemáticos acontecimentos da Revolução Industrial.

Ninguém quer correr o risco de passar por um “sufoco” desses e comprometer todo um trabalho que, se tiver engajamento e estratégias de atuação previamente estabelecidos, tem tudo para dar certo. É papel do relações-públicas ter todo esse cuidado antes de tudo, pois trata-se de uma de suas principais funções e características saber lidar com esse tipo de trabalho.

Mas, em linhas gerais, para que de fato é a pesquisa de Opinião Pública? Ela busca confirmar suposições acerca do respeito e opinião sobre assuntos ou determinadas empresas ou marcas, mas também modifica pensamentos com relação a um possível problema de Relações Públicas.

Alguns pontos neste ramo da pesquisa de Opinião Pública que merecem o devido destaque:

  • É possível perceber que atividades os públicos conhecem sobre a organização;
  • Saber como reagem ou reagiriam antes ou depois de mudanças de posicionamento da organização;
  • Julgar o que esperam da empresa;
  • Identificar quais as necessidades do público;
  • O que fazer para satisfazer o público e quais medidas adotar (primordial).

Tratar a pesquisa como um instrumento de estratégia, algo que ultrapasse mera técnica de ação, mas saber dar a importância devida que esta possui – do princípio da identificação da necessidade de aplicação do estudo de opinião até a interpretação dos resultados e definições a serem tomados a partir da divulgação destes – e começar a traçar os rumos certos que cada resultado vai tomar (no sentido de melhorar aquilo que carece de mudanças e ou reformular reposicionamentos) para assim poder produzir conhecimentos, aumentar as tecnologias e suas vantagens e planejar a divulgação do fruto de suas descobertas, deve estar sempre à frente das prioridades dos profissionais em seu ver e fazer relações públicas.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s