Intercâmbio Versátil com Mafalda Santos

intercambio-versatil-rp-mafalda

O intercâmbio de outubro está bem especial, pois é a primeira vez que temos um “texto internacional”. E este texto vem lá de Portugal, escrito por uma pessoa muito bacana e talentosa que conhecemos na RP Week 2015. Confira abaixo o que Mafalda Santos falou sobre treino:

Treina, vais notar diferença!

Muitas vezes associamos a palavra treino quando praticamos desporto, mas há outras áreas que podemos treinar. A área da comunicação é uma delas. Qualquer pessoa, independentemente da sua área de actuação, está sempre a comunicar, de forma verbal e não-verbal.

Desde que comecei a estagiar, tenho ainda mais noção da importância do treino. Uma das formas de tomar consciência é por meio do vídeo e da análise posterior da nossa postura. Confesso que quando me apercebi que tinha de encarar a câmara, e ainda por cima rever o que tinha feito – não por uma questão de orgulho, mas sim por vergonha -, fiquei aterrorizada. Mas logo me apercebi quais os benefícios desse treino, desse investimento, e aconselho a todos aqueles que querem ser comunicadores mais eficazes a procurarem treino especializado. Encontrar o equilíbrio, a congruência, entre a nossa comunicação verbal e não-verbal é o desafio!

Afinal, qual é o benefício de treinar a comunicação?

Por vezes temos a percepção que comunicamos de uma forma clara e não entendemos bem porque é que as outras pessoas não entendem o que queremos dizer. Será que não somos nós que temos que procurar conhecermo-nos melhor? Afinal, será que as nossas palavras correspondem aos nossos gestos? É um trabalho de desenvolvimento pessoal, que pode ser aplicado em diversas situações da nossa vida.

Procurei então saber um pouco mais sobre a linguagem corporal, pois o feedback especializado que me deram permitiu maior autoconsciência e percebi o impacto que isso poderia ter na minha vida. Comecei a perceber que se calhar alguns dos mal entendidos que tinha com outras pessoas, conseguia minimizá-los conhecendo melhor a forma como comunico. Tentando adaptar a minha expressividade e postura com quem falo, dependendo do meu objectivo e cultura. Não só comecei a “olhar “ para mim de uma forma mais consciente, como também para os outros.

Será que tudo pensado e treinado ao detalhe é a solução?

Quando vemos dois políticos (altas entidades) a cumprimentarem-se com um aperto de mão, por exemplo, a forma como se realiza é totalmente treinada: os gestos, a sua postura são totalmente adequados aos objectivos, à imagem e mensagem que querem passar. Quanto mais treino, mais detalhes forem trabalhados, mais confiança e à vontade temos. É também de salientar que não só são alguns dos políticos e profissionais de comunicação que têm tido a curiosidade sobre o treino de comunicação, mais propriamente sobre a linguagem corporal. Tive a possibilidade de conhecer um conjunto de curiosos de várias áreas, como engenharia e medicina, a procurarem mais informações sobre esta área da comunicação.

E então, os RPs já treinam o suficiente?

Body language doesnt signal what you are thinking. It also shapes what you are thinking

Mafalda Santos

*Escrito em português de Portugal

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s